quarta-feira, 25 de março de 2015

Vilas de pano



Ultimamente eu e minha família iniciamos uma jornada em busca de um canto mais tranquilo para viver.Saímos da selva de pedra chamada São Paulo, com nossa filha de 10 meses.Preparamos a mudança nos livrando de muita coisa que não nos servia mais, como se quiséssemos chegar ao nosso destino o mais leve possível. E lá fomos nós de mala e cuia para João Pessoa. Ali moramos muito próximo ao mar. Era possível até ouvir as ondas de madrugada. Um lugar lindo e ainda uma vizinhança incrível: Minha irmã mais nova! Foram 7 meses sabáticos até a profecia da minha irmã se confirmar: Vocês estão só de passagem por aqui!



E lá estávamos nós de novo arrumando caixas e caixas, nos livrando de mais coisas, como se quiséssemos chegar ao destino final ainda mais leves...Desde dezembro estamos na minha terra natal, Brejo Santo, no sul do Ceará. Lugar onde cresci e saí para estudar fora aos 13 anos. De volta a casa da minha mãe. Uma casa cheia de recordações...Aqui também estamos por um tempo, pois nosso lar está sendo desenhado. Aqui é o nosso ninho e estamos tentando trazer a paz e a felicidade que buscamos ao optar pelo caminho de volta.


Quando costuro essas casinhas e vilinhas de pano, penso no meu lugar ideal...Perto da natureza, ar puro, boa vizinhança, gente simples e de coração bom. Acredito na existência desse lugar. Eu sigo buscando...
Eu e Liz conhecendo uma das muitas trilhas da Chapada do Araripe, onde viveram nossos ancestrais

5 comentários:

  1. Que delícia!!!!!Poder procurar este lugar!!!!
    Muitas Felicidades para você junto dos seus amores!!!
    Lindas!!!!Lindas!!!! Suas casinhas de Pano!!! Amo muito seus trabalhos!!!
    Que Deus continue a abençoar!!!! Bju

    ResponderExcluir
  2. Mudar exige coragem! Que bom que vcs tomaram a decisão e estão biscando a felicidade de vcs. Se der certo como suas casinhas, fique tranquilo. Vai ser tudo lindo! Fiquei apaixonada por elas! Parabéns pelo trabalho!
    Beijo

    querendoserblogueira.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Micheline você não é a única na busca por este ideal. Eu e meu marido também buscamos por isso, porém não ariscamos tanto como vocês. Nossos planos são mais humildes, mais traçados para daqui a 06 anos trocar Florianópolis/SC por uma cidade menor e mais afastada do asfalto.
    Boa sorte para vocês.

    ResponderExcluir
  4. Olá, Mudar é difícil, mas pode ser o início de um caminho melhor e mais suave. Muita paz e amor para que a família se mantenha forte e unida. Bjs

    ResponderExcluir